Aldeia de Álvaro, uma homenagem.


Finalmente chegámos a Álvaro, a "aldeia do xisto" martirizada pelo incêndio de outubro de 2017. Uma parte da aldeia foi consumida pelas chamas, mas a comunidade resistiu. O mesmo São Pedro que, na primeira tentativa, nos impediu de chegar a Álvaro em caiaque, ofereceu-nos agora um fim de semana fantástico para descobrir o Zêzere na secção superior da albufeira do Cabril. Amanhã será inaugurada a casa reconstruída da mãe da Raquel e do Manuel. A vida continua e esperamos todos que as novas memórias apaguem aqueles dias negros.

Ficam as imagens (aqui!).



Notícias recentes
Arquivo